Hughes foi excluído do E-Prix de Roma após uma eliminatória

Junte-se à Fórmula E

Entre ou crie sua conta Fórmula E

É rápido, fácil e grátis para se inscrever

Você terá acesso a:

  • Helmet

    Notícias. Análise. Recursos exclusivos

  • Schedule

    Reserva Prioritária. Preços antecipados

  • Trophy

    Competições. Descontos. Experiências

  • Podium

    Prever. Voto. Ganhar

PARA CONTINUAR LENDO...

Você precisará fazer login ou criar uma conta da Fórmula E.

Hughes foi excluído do E-Prix de Roma após uma eliminatória

Jake Hughes, da NEOM McLaren, não participará do E-Prix de Roma de hoje após uma forte disputa na qualificação.

1019750560-LAT-20230715-EPS913_102113SMG_8116-min

O britânico sofreu danos em seu carro #5, depois de bater em uma das partes mais rápidas do circuito nas etapas finais do Grupo B.

Em um comunicado, a equipe da McLaren compartilhou a notícia e afirmou que o nível de danos e o fato de o chassi sobressalente já ter sido usado no fim de semana foram a razão pela qual ele não voltou ao volante hoje.

“A equipe NEOM McLaren de Fórmula E lamenta confirmar que o carro #5 de Jake Hughes não poderá competir no E-Prix de Roma de hoje, devido aos danos sofridos durante a fase de grupos da qualificação.

“Infelizmente, uma combinação de grandes danos no carro e nosso chassi de reposição compartilhado pelo fabricante, já ocupado no início deste fim de semana pela equipe de Fórmula E da Nissan, nos deixa em uma posição em que não podemos consertar o carro a tempo da corrida.”

Norman Nato, da Nissan, caiu no final do Treino Livre 1 ontem e, como resultado, recebeu o chassi sobressalente que é compartilhado entre a Nissan e sua equipe de clientes, a McLaren.

Falando sobre seu acidente, Hughes diz que ele estava “bem do lado dele”.

“Obviamente, é uma grande pena. Desculpe por todos os caras que estão fazendo todo o trabalho agora para consertar o carro, foi uma pena porque parecíamos bem rápidos e estávamos em P2 ou P3 na época. Em um acidente repentino, acabamos de bater em um solavanco no ângulo errado, mas isso é corrida de rua. É o que é. Vamos garantir que voltemos mais fortes, mas é o automobilismo e essas coisas acontecem. Nós os pegaremos novamente na próxima vez.”